Carro de 2018 da Sauber será “completamente diferente” do atual

O carro Fórmula 1 de 2018 da Sauber será “completamente diferente” do projeto atual, diz Fred Vasseur, chefe da equipe.

A equipe está em último no campeonato dos construtores com cinco pontos e ficou cada vez mais distante do meio-campo, enquanto a temporada passava.

A Sauber foi prejudicada pela uso de um motor Ferrari de 2016, enquanto as interrogações sobre seu futuro no ano passado comprometeram o programa do projeto de 2017.

Tendo assumido o comando de Monisha Kaltenborn no meio desta temporada, Vasseur agiu rapidamente para cancelar um acordo planejado da Honda e garantir o mais recente motor Ferrari para o que ele chamou de “completamente novo” projeto de 2018.

“O carro já está no túnel de vento e acho que estamos fazendo um trabalho decente”, disse Vasseur.

“Ainda estamos discutindo os parâmetros da colaboração da Ferrari, mas provavelmente será inferior a 20%”, disse Vasseur. “O carro atual é de 2016 e para tentar e ir até 2018, temos que começar do zero”.

Esse será o primeiro projeto da Sauber liderado pelo diretor técnico Jorg Zander.

“É sempre difícil ter um alvo, porque dependerá dos caras que nos rodeiam”, disse ele.

“Será difícil voltar ao pelotão intermediário. É um grande passo e não há grandes mudanças nos regulamentos para o próximo ano.

“Todas as outras equipes terão uma compensação muito melhor do que nós.

“Para mim, o maior desafio será aumentar o tamanho da empresa, para aumentar o desempenho de cada departamento.

“Se pudermos fazer isso, melhoraremos no grid. O grupo na nossa frente é muito próximo.

“Eu quero voltar para a luta”.