Amigo de Schumacher, Todt afirma que o heptacampeão “continua lutando”

Michael Schumacher “continua lutando”, segundo Jean Todt, que no início desta semana adicionou o heptacampeão mundial ao Hall da Fama da Fórmula 1.

Schumacher sofreu sérias lesões na cabeça quando caiu durante um passeio de esqui nos Alpes franceses em 2013.

A família manteve sua condição em segredo enquanto o alemão continua sua recuperação na Suíça.

Na segunda-feira, Schumacher foi inserido no Hall da Fama da F1 com Sabine Kehm recebendo as honras, já que sua esposa Corina não conseguiu participar.

O presidente da FIA, Todt, ex-chefe de Schumacher na Feerrari, falou durante a cerimônia.

“Nós sentimos falta de Michael”, disse Todr. “Ele está lá, continua lutando.

“Estou feliz por ter Sabine, para tocar os negócios pessoais. Eu queria que Mick (filho de Schumacher) viesse esta noite, mas ele faz alguns teste na Espanha e Corina está nos Estados Unidos.

“É uma grande luta. Michael é alguém muito especial, alguém especial para o automobilismo.

“Ele é especial para mim também, ele é meu amigo”, concluiu Todt.