Alonso não dá como certo seu retorno no GP da China

Fernando Alonso tem sido cuidadoso ao falar sobre o tema, enquanto aguarda a liberação médica para retornar ao cockpit da McLaren no GP da China deste fim de semana.

“Foi decepcionante ouvir que eu não poderia correr no Bahrain, mas respeitei totalmente a decisão da equipe médica da FIA”, declarou Alonso.

“Espero voltar ao cockpit na sexta-feira, mas não podemos assumir nada antes de eu receber a liberação dos médicos para correr – independente de quando isso ocorrer. Porém, continuo me preparando normalmente para o fim de semana”.

Alonso elogiou a performance do reserva Stoffel Vandoorne no Bahrain, acrescentando que conseguiu aprender bastante apesar de não ter pilotado.

“Stoffel fez um ótimo trabalho no Bahrain, e apesar de Jenson ter sofrido problemas de confiabilidade, foi positivo ver que ambos os carros andaram muito bem durante o fim de semana”, disse ele.

“Também foi interessante para mim ver o desenrolar do fim de semana de uma perspectiva diferente, o que me ajudou a entender tudo o que é feito para colocar os carros na pista e aprender muito sobre os diferentes processos, apesar de eu ainda preferir estar na corrida”.