Alexander Rossi agradece à Manor por oportunidade na F1

Alexander Rossi comentou a notícia de que não vai correr na F1 de forma definitiva em 2016, após a confirmação de que Rio Haryanto garantiu o último lugar disponível na Manor.

Tendo sido o primeiro piloto americano a aparecer numa corrida de Fórmula 1 em oito anos no final da temporada de 2015, quando foi chamado para pilotar em cinco dos últimos sete eventos, Rossi foi considerado um dos favoritos para acertar sua permanência em 2016, após impressionar com o seu ritmo em relação ao colega de equipe, Will Stevens.

No entanto, ele sempre enfrentou a forte oposição do protegido da Mercedes, Pascal Wehrlein, e de Haryanto, com um grande patrocínio, com a Manor confirmando Wehrlein na semana passada e antes de anunciar Haryanto.

Apesar do revés, Rossi – que terminou em segundo lugar na GP2 atrás de Stoffel Vandoorne – agradeceu a equipe Manor pela sua oportunidade na F1, e anunciou que grandes projetos estão por vir.