Adrian Newey quer que clientes recebam os mesmos motores das equipes de fábrica

O diretor-técnico da Red Bull, Adrian Newey, pediu a FIA para obrigar as fabricantes a fornecerem às suas equipes clientes com motores que são idênticos aos seus próprios em todos os aspectos.

Falando ao ‘The National’, Newey apontou que enquanto alguns fabricantes fornecem aos seus clientes o mesmo hardware, seus compradores muitas vezes não podem obter o mesmo software e combustível que os utilizados pela equipe de fábrica.

“Se pegarem os motores construídos pela Mercedes ou Ferrari, quando fornecem esses motores para suas equipes clientes, eles não recebem o mesmo motor – não no software de maneira alguma”, disse Newey. “O software se tornou muito importante agora”.

“Então, nós estamos nesta posição em que a Mercedes tem um motor muito bom, muito poderoso. Suas equipes clientes não recebem as mesmas especificações. Por isso, é difícil para as suas equipes clientes vencerem a Mercedes”.

Newey acredita que as regras podem ser alteradas para tornar a F1 mais competitiva. “O atual motor tem que ser o mesmo fornecido às equipes cliente”, disse ele. “Mas não é apenas o hardware, é também a gasolina e o software”.

“Então, a primeira coisa que se pode fazer é mudar os regulamentos para que as equipes clientes tenham o mesmo software e o mesmo combustível, se quiserem, como a equipe de fábrica”.