Para a Pirelli, teste em Abu Dhabi “não é o suficiente”

Paul Hembery, chefe da Pirelli, diz que o teste pós-corrida em Abu Dhabi “não é o suficiente” para a fabricante italiana fazer progressos significativos na compreensão de seus pneus.

Depois de semanas de discussões, a Pirelli confirmou que vai fazer um teste de 12 horas no circuito de Yas Marina em 1º de dezembro. O dia será dedicado exclusivamente ao trabalho de desenvolvimento de pneus e as equipes não terão permissão para testar novas peças.

A Pirelli tem se esforçado por mais testes e fez disso uma das condições para permanecer na F1 após a temporada de 2016.

Hembery, entretanto, avalia que o teste em Abu Dhabi é apenas uma pequena parte do que a Pirelli quer.

“Para ser honesto, não é o suficiente”, disse Hembery. “É apenas um dia, mas pelo menos temos equipes de ponta e muitos dos melhores pilotos estarão testando para nos dar uma opinião nas mudanças que estamos fazendo”.

“Há apenas uma alteração de composto, mas há algumas mudanças estruturais que estamos analisando e isso vai nos dar um desempenho ligeiramente diferente em termos de durabilidade. Os carros estão ficando mais rápidos e o tamanho do pneu permanece o mesmo, então temos uma batalha constante com isso”.

“Você tem que ter muito cuidado, porque as equipes são todas diferentes e uma equipe poderia estar fazendo algo diferente da outra. Nós fizemos um produto para as circunstâncias mais extremas, por isso estamos trabalhando muito sobre os aspectos de durabilidade”.