Honda deve contratar consultores para ajudar no desenvolvimento do seu motor

A Honda teve uma mudança de mentalidade perto do final de sua péssima temporada de retorno à Fórmula 1. Anteriormente, a montadora japonesa estava se recusando a agilizar seu processo de melhoria contratando especialistas em motores de F1 de fora da Honda.

Entretanto, Michael Schmidt, correspondente da revista alemã ‘Auto Motor und Sport’, revelou que a Honda está adotando uma nova estratégia.

Já se sabia que Gilles Simon, especialista em motores que trabalhou na Ferrari e mais recentemente na FIA, vem atuando como consultor da Honda. Agora, “apesar de nenhum engenheiro estrangeiro ser instalado em Sakura, a Honda quer empregar mais consultores” no problemático projeto de F1, disse Schmidt.