Felipe Massa revela instabilidade na traseira da sua Williams

Felipe Domingues, Guilherme Cardoso e Luis Fernando Ramos

INTERLAGOS – São Paulo (SP)

O brasileiro Felipe Massa, da Williams, conversou com a F1Mania/LANCE! logo após o encerramento dos treinos livres desta sexta-feira, válidos pelo GP do Brasil.

Massa lamentou a falta de aderência e a dificuldade que sofreu durante as duas sessões para encontrar o equilíbrio entre desgaste e aderência tanto no composto macio, quanto no duro, dos pneus Pirelli em Interlagos.

“Foi um dia complicado hoje, porque tive um pouco de problema na primeira sessão, onde o carro não parava na pista, mas na segunda sessão conseguimos melhorar, principalmente com os pneus macios.”

“O problema é que a traseira do carro não para no chão e há muito o que fazer para acertar. Temos muito chão pela frente. A pista estava muito escorregadia, nosso carro e principalmente eu sofremos muito”.

“Sem dúvidas, não foi um bom dia. Um pouco melhor do meio para o final, mas até a pista começar a pegar um pouco de aderência sofremos muito”.

“Os pneus desgastam muito, principalmente os traseiros. Então não será uma corrida fácil: temos que cuidar dos pneus e acertar um carro para este cenário”.

A F1Mania/LANCE! acompanha o GP do Brasil ‘in loco’.