Os últimos serão os primeiros: Lewis Hamilton lidera primeira sessão em Interlagos

Último a chegar ao Brasil, primeiro na primeira sessão livre em Interlagos

O inglês Lewis Hamilton, da Mercedes, liderou a primeira sessão de treinos livres realizada em Interlagos, válida pela penúltima etapa da temporada 2015 de Fórmula 1, superando seu companheiro alemão Nico Rosberg e Sebastian Vettel, da Ferrari.

Uma vez que o campeão já está definido, o GP do Brasil marca mais um episódio na definição do vice campeão, que está entre Rosberg e Vettel, com grande vantagem para o alemão da Mercedes, enquanto Hamilton assiste a tudo de camarote.

A sessão foi bem movimentada durante toda a manhã com somente uma “parada” entre todos os pilotos, quando todos decidiram ir para os boxes fazer alguns ajustes rápidos antes de retornarem à pista.

Os pilotos sofreram com a falta de aderência e também com a dificuldade de encontrar o equilíbrio ideal do carro durante a primeira sessão. Não foram só os pilotos do fim do pelotão que rodaram e fritaram pneus, mas também Hamilton, Vettel e Kimi Raikkonen, estiveram entre os que mais sofreram.

Apesar de sofrerem, os pilotos citados ainda assim conseguiram boas posições na tabela de tempos, então quem parece ter levado realmente a pior foi o brasileiro Felipe Massa, que não só sofreu durante toda a sessão, mas também não conseguiu ir além da 17a posição, ficando muito atrás do seu companheiro na Williams, Valtteri Bottas (7o), e do seu compatriota Felipe Nasr (14o), da Sauber.

O espanhol Carlos Sainz Jr., da Toro Rosso, foi o piloto que mais andou e completou um total de 38 voltas – mais do que a metade das voltas que serão disputadas domingo na corrida. No entanto, Sainz não foi além da 11a posição, enquanto que seu companheiro holandês Max Verstappen conseguiu o oitavo tempo.

O australiano Daniel Ricciardo separou as duas Ferrari, de Vettel e de Raikkonen, ficando na quarta posição, enquanto que seu companheiro russo Daniil Kvyat foi o sexto mais rápido da primeira sessão desta sexta-feira.

Completando os dez primeiros colocados ficaram o alemão Nico Hulkenberg, da Force India, e o venezuelano Pastor Maldonado, da Lotus.

A Lotus contou com a participação do seu futuro piloto titular, o francês Jolyon Palmer, nesta sessão assumindo o carro do seu compatriota Romain Grosjean, e o viu cravar o 12o melhor tempo, superando as Sauber, McLaren e Manor.

A dupla Jenson Button e Fernando Alonso, da McLaren, conseguiu superar não só a Sauber e a Manor, mas também o mexicano Sergio Perez, companheiro de Hulkenberg, que não encontrar um bom equilíbrio e acabou ficando na 15a posição.

Entre os mais lentos ficaram o sueco Marcus Ericsson, companheiro de Nasr, e a dupla da Manor, Alexander Rossi e Will Stevens.

Os pilotos voltam para a pista ainda hoje para a realização da segunda sessão de treinos livres desta sexta-feira a partir das 14h do horário brasileiro de verão.

A F1Mania/LANCE! acompanha o GP do Brasil ‘in loco’.