Lewis Hamilton teria batido seu Pagani Zonda em acidente em Mônaco

O carro que Lewis Hamilton bateu em Mônaco na noite de segunda-feira foi um Pagani Zonda de 2 milhões de euros. Isto é o que afirma o jornal alemão ‘Bild’, depois de o tricampeão admitir que uma febre não foi o único motivo por ter viajado ao Brasil um dia mais tarde do que o programado.

Ninguém se machucou no acidente, mas Hamilton admitiu que ele bateu num carro parado. Acredita-se que o acidente aconteceu na madrugada de segunda para terça-feira. “Ele informou imediatamente à polícia”, disse um porta-voz da Mercedes.

O ‘Bild’ disse que o Zonda de Hamilton é um V12 de 760 cavalos, capaz de alcançar 350 km/h.