Felipe Massa espera ter carro competitivo em 2016 ou se aposentará

Aos 34 anos de idade, o piloto brasileiro Felipe Massa é o terceiro mais velho ainda em atividade na Fórmula 1, atrás somente de Jenson Button e Fernando Alonso. Atualmente correndo pela Williams, Massa acumula 227 grandes prêmios, 11 vitórias e 41 pódios.

Depois de 13 temporadas e três equipes (Sauber, Ferrari e Williams) no currículo, sua carreira pode estar se aproximando do fim, uma vez que 2016 é seu último ano de contrato com a equipe sediada em Grove. E, para o brasileiro, suas opções são claras: ter um carro competitivo e continuar na F1 ou, não tendo um carro competitivo, o fim da sua carreira na categoria.

Em entrevista ao portal brasileiro ‘UOL’ durante o GP do México, Massa disse: “Ano que vem será o último do meu contrato, então acho que será a temporada mais importante para entender se eu continuarei ou não. Se eu tiver a chance de continuar em uma equipe competitiva, eu fico. Caso contrário, eu paro”.

“Vou ficar na F-1 se eu tiver uma equipe como a Williams, para quem eu estou muito feliz em pilotar e eles também estão felizes em me ter. Quando você ama trabalhar e se sente querido, é isso que dá motivação para continuar”.

Apesar de não demonstrar desejo algum em parar, o piloto garante que não tem medo da aposentadoria e acredita que lidará bem com isto. “Não acredito que terei medo de parar, acho que vou ficar bem. Porque eu sei que todos terão de parar em algum momento – mas eu não acho que esse momento chegou ainda”, concluiu.