BR de Endurance: A pole em Santa Cruz do Sul é de Maurício e Visconde

Classificação nesta sexta-feira definiu o grid de largada da quarta etapa do Brasileiro e Gaúcho DOPAMINA

Uma sexta-feira (18) de sol e muito calor atípica do inverno gaúcho foi o palco dos primeiros treinos livres e da classificação do grid, que definiu o pole position da quarta etapa do Campeonato Brasileiro e Gaúcho de Endurance – DOPAMINA, que acontece neste sábado (19), e tem largada prevista para as 12h30.

A posição de honra do grid na geral ficou com o Porsche #20, dos paulistas Ricardo Maurício e Marcel Visconde, líderes do campeonato e vencedores das duas últimas etapas do campeonato, em Curitiba e São Paulo.

Na categoria P2, o MRX #75, da dupla Henrique Assunção e Fernando Ohashi fez o melhor tempo. “Fiz uma volta boa que me garantiu a pole na categoria e amanhã vamos brigar pela primeira vitória da temporada”, disse o paulista.

Na classe P3, mais uma vez Marcelo Vianna e Julio Martini confirmaram o ótimo momento conquistando mais uma pole. A dupla do Tubarão #69 é venceu todas as etapas da temporada 2017.

“Foi fantástico! Nosso carro é excelente de chão e é um dos mais rápidos do grid, prova disso são os tempos que viramos em todas as etapas. O Marcelo (Vianna) está de parabéns porque vem evoluindo cada vez mais e se tornando um piloto cada vez mais rápido. Ele anda demais. Bateu o recorde da nossa categoria em Tarumã, Guaporé e Santa Cruz. Estamos muito felizes, pois tínhamos candidatos muito fortes na briga pela pole”, destacou Martini.

Na GT1, os vice-líderes do Brasileiro e primeiros na tabela do Gaúcho formado pelo trio Vilson Jr., Paulo Rutzen e Gustavo Martins (Lamborghini #46) largam na pole na categoria.

A prova tem transmissão ao vivo pelo youtube e pela fanpage @endurancebrasil e no @automaistv.

Classificação Três Horas de Santa Cruz:

  1. Marcel Visconde/Ricardo Maurício – Porsche #20 – 1.17.049 – GP1
  2. Nilson Ribeiro/Jose Roberto Ribeiro – MRX #65 – GP1
  3. Franco Pasquale/Tiel Andrade – Tubarão #05 – GP1
  4. Francesco Ventre/Eduardo Dieter – MR18 #110 – GP1
  5. Emílio Padron/Fernando Fortes – MR18 #117 – GP1
  6. Stuart Turvey – Scorpion #37 – GP1
  7. Alexandre Finardi/Alan Chanoski – MRX #80 – GP1
  8. Marcello Sant’Anna/William Freire – Lamborghini #31 – GP1
  9. Henrique Assunção/Fernando Ohashi – MRX #75 – P2
  10. Marcelo Vianna/Julio Martini – Tubarão #69 – P3
  11. Daniel Claudino/Ian Jepsen Ely – MCR #71 – GP1
  12. Aldoir Sette/Marcelo Campagnolo – MRX #7 – P2
  13. Giacomello/M.Stumpf/R.Stumpf – MRX #8 – P3
  14. Gustavo Tomazini/Sergio Cardoso – MRX #43 – P3
  15. Rutzen/G. Martins/Vilson Jr. – Lamborghini #46 – GT1
  16. Rafael Simon/Gustavo Simon – MRX #56 – P3
  17. Ney Faustini/F. Poeta/R. Sandoval – Lambo MCR #18 – GP1
  18. Sergio Ribas/Henry Visconde – BMW #64 – GT1
  19. Mendes/T. Tecchio/C. Kray – Ferrari #155 – GT1
  20. Sandoval/J. Moro/P. Ventura – Lamborghini #10 – GT1
  21. Luiz Crestani – Tornado #03 – P2
  22. Humberto Giacomello/André Senger – Sonic #17 – GT1
  23. Alex Cignetti/Pedro Avila/Hardy Kohl – MRX #96 – P3